Uma casa muito organizada e limpa é sinal de infelicidade! Afirma estudo psicológico!

A perfeição não apenas mata, mas também pode deprimir. Em particular, manter a casa imaculada, sempre como se alguém fosse passar por uma inspeção militar a qualquer momento, testemunha um estado obsessivo, um vício que gera tristeza.

Isto foi afirmado por Sergio Cortella, educador, psicólogo e escritor, que sublinha como na sociedade de hoje a cultura da imagem é, na verdade, uma fonte de constante insegurança e infelicidade.

O exemplo mais emblemático e fiel desse discurso é o costume, talvez melhor dizer a mania, dos selfies e, em geral, as fotos postadas nas redes sociais. O que é mostrado e compartilhado nunca é a realidade, mas algo bem construído. Toda vez que as pessoas publicam uma imagem de si mesmas, de um lugar ou do prato clássico recém cozinhado, essa cena aparentemente natural e espontânea é, às vezes, resultado de uma longa preparação, de inúmeras tentativas, em busca do clique impecável.

Mesmo quando parece haver algum detalhe que não é exatamente linear, questiona-se se não foi colocado de propósito, com o objetivo de alcançar o efeito visual desejado. Tudo é artificial, artefato, a versão ideal de como se quer aparecer, sacrificando assim a beleza da imperfeição, a autenticidade do ser. Outro exemplo que nos faz sorrir é quando fazemos uma teleconferência ou uma entrevista de emprego via Skype, de nossas próprias casas, de paletó e gravata.

Essa busca contínua para fazer com que a vida pareça com a que é mostrada aos outros é apenas uma miragem que aprisiona a genuinidade a longo prazo, sufoca e coloca em risco o bem-estar psicofísico. Infelizmente, esse modelo de comportamento não é apenas seguido individualmente, mas muitas vezes imposto às crianças, infectando-as com essas fixações e, assim, preparando a próxima geração de indivíduos perpetuamente insatisfeitos.

E aqui falamos da casa, lugar de intimidade, privacidade, um refúgio acolhedor onde você deve se sentir seguro, relaxado e acima de tudo ser simplesmente você mesmo. A vida também é feita de caos, não só de beleza estética, como se você estivesse sempre em um cenário fotográfico.

Manter o seu habitat limpo e decente é muito diferente de fazer com que pareça a capa de uma revista de design de interiores. Então é hora de parar de se esconder atrás de uma mentira, porque, assim, até mesmo suas emoções são eclipsadas. Estamos, portanto, certos de que alguns objetos fora do lugar não machucam se isso significar viver mais serenos e criar crianças mais saudáveis!

Partilhar: