Passadiços do Orvalho – foram recuperados e são hoje um dos principais pontos de atração turística da região


Em pouco mais de dois meses, a rota do Orvalho classificada pela Unesco já recebeu a visita de 20 mil turistas.

Os passadiços do Orvalho, situam-se no concelho de Oleiros e inserem-se no Percurso Pedestre PR3 OLR – GeoRota do Orvalho, um percurso que, inserido no território Geopark Naturtejo da Meseta Meridional, nos permite a visita a diversos geomonumentos classificados pela UNESCO que existem na freguesia de Orvalho. O mais famoso destes geomonumentos é sem dúvida a Cascata da Fraga de Água d’Alta.

No concelho de Oleiros, uma das zonas mais afetadas pelos incêndios de 2017, a estrutura dos passadiços foi recuperada e é hoje um dos principais pontos de atração turística da região do Pinhal Interior. Em pouco mais de dois meses, a rota do Orvalho classificada pela Unesco já recebeu a visita de 20 mil turistas.

A Cascata da Fraga de Água d’Alta encontra-se perto do Orvalho, concelho de Oleiros, na ribeira de Água d’Alta, que nasce na Serra do Muradal. São 50 metros de desnível vencidos por uma sucessão de três véus de água que podem ser observados ao perto e a partir do miradouro situado por cima da cascata, na Cabeça Murada.

Aqui, é assinalável a biodiversidade, destacando-se os vestígios de Laurissilva que cobriram o sudoeste da Europa antes das glaciações e que, atualmente, apenas persistem em raros locais, como, por exemplo, o folhado e uma das maiores populações de azereiro que ainda restam no mundo.

Informações:

Ponto de partida/Chegada: Junta de Freguesia do Orvalho e Miradouro do Mosqueiro, respectivamente.

Distância percorrida: 8,9 Km

Duração do percurso: 3h30m

Grau de dificuldade: médio

Fonte: Facebook Orvalhoonline


0 Comments

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Send this to a friend