Pai dança de forma louca no parque de estacionamento para animar o filho durante tratamentos de quimioterapia


Em Fort Woth no Texas, um pai não pode acompanhar o filho Aiden Yielding, de 14 anos, nas sessões de quimioterapia, desde o início da pandemia Covid-19. O filho foi diagnosticado com leucemia linfocítica aguda.

Para animar o filho e de forma a contornar as novas regras do hospital por causa da pandemia, e uma vez que só o pai ou a mãe pode acompanhar o paciente, a cada terça-feira, Chuck, o pai, espera do lado de fora do Hospital Infantil Cook. O pai veste-se com roupa extravagante no estacionamento, onde dança para que o seu filho possa vê-lo e se sentir acompanhado durante o tratamento.

As danças do pai rapidamente se tornaram virais nas redes sociais.

“Fico feliz por o fazer rir e que a minha dança o faz sentir que a sua luta é também a minha luta. Nunca queria que pensasse que está a passar por isto sem o seu pai”, expressou Chuck.


0 Comments

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Send this to a friend