O pai queria “acouna”…

O pai diz ao filho:

– Feilhe, vai dezer a tua mõe q’o pai quer acouna!

O miúdo vai ter com a mãe e diz:

– Mõe, o pai mandou d’zer que quer acouna.

A mãe responde:

– Ah feilhe, mas a mõe hoje na pode dar acouna, t’ou c’opriode…

A criança volta para ao pé do pai:

– Olhe pai, a mõe na lhe pode dar acouna porque tá c’o priode hoje…

O pai responde:

– Na é essa couna, estúp’do, é acouna de pesca!…

Outras Cenas Fixes:

Comentários: