Nunca provoques uma professora…

Uma professora de Português do liceu relembrou à sua classe que o exame final era para a próxima aula.

Disse ainda que não havia qualquer desculpa para faltarem, excepto por doenças ou acidentes graves, assim como a morte de um parente em primeiro grau do aluno.

Um espertalhão lá atrás, perguntou em tom altivo:

– E por exaustão se*ual?

Toda a classe tentou conter o riso, saindo ainda por vezes aqueles suspiros.

Quando voltou o silêncio à sala de aula, a professora, toda simpática, riu-se, e abanando a cabeça, disse de uma forma muito amorosa:

– Não é uma desculpa. Podes escrever com a outra mão.

Outras Cenas Fixes:

Comentários: