Dormiu toda a noite agarrada ao meu pau…

O alentejano Manel foi a França visitar o irmão. Como o irmão não tinha onde o deitar, disse a esposa:

– Não te preocupes, cabemos os três na nossa cama!

No dia em que o Manel se ia embora disse ao irmão:

– Tenho que te confessar uma coisa, a tua mulher dormiu toda a noite agarrada ao meu pau!

– Não era ela, era eu!!! Antes ter um pau na mão que dois cornos na testa…

Partilhar: