10 sinais de que a tiróide não esta a funcionar correctamente


A glândula da tiróide está localizada na parte da frente do nosso pescoço, logo abaixo do pomo de Adão.

Algumas pessoas nem sequer sabem que ela está lá, mas a verdade é que ela é de extrema importância para o funcionamento do nosso organismo.

Nesta lista, feita pelo portal BrightSide, podes conferir 10 sinais que podem indicar que algo está errado com a tua tiróide, e que talvez seja a hora de visitares o médico.

1. Pele ressequida.

O hipotireoidismo leva à calcificação da pele, fazendo com que ela pareça espessa, muito seca e escamosa na textura.

2. Perda de cabelo ou cabelo muito fino.

O crescimento do cabelo depende do bom funcionamento da glândula da tiróide. Alterações no nível das hormonas produzidas pela glândula da tiróide podem levar a alterações capilares. A produção excessiva de hormonas pode fazer com que o cabelo fique fino em todo o couro cabeludo, enquanto a produção insuficiente de hormonas pode levar à perda de cabelo.

3. Mau funcionamento do intestino.

As hormonas da tiróide desempenham um papel importante na regulação do movimento intestinal. Uma tiróide com hipoactividade pode causar constipação, enquanto uma tiróide hiperactiva pode resultar em evacuações frequentes.

4. Depressão ou ansiedade repentina.

Se estás te sentindo ansioso ou instável ultimamente, há uma chance de que a tua glândula tiróide esteja agindo. A superprodução de hormonas tiroidianos resulta em mais estimulação cerebral, fazendo com que os pacientes se sintam nervosos ou ansiosos. A subprodução de hormonas tem o efeito oposto, faz com que o paciente se sinta deprimido e cansado.

5. Frio excessivo ou suor fora de comum.

A glândula tiróide é como um termostato para o nosso corpo, no sentido de que regula a temperatura corporal. Se a produção hormonal for aumentada, aumenta também o metabolismo do corpo, fazendo com que as pessoas se sintam com calor e comecem a suar. Se houver uma deficiência da hormona da tiróide no corpo, o paciente pode estar propenso a ter baixas temperaturas corporais e intolerância ao frio.

6. Perda ou ganho repentino de peso.

As hormonas da tiróide são responsáveis ​​por regular o metabolismo do corpo. Um produção abaixo do normal de hormonas pode diminuir significativamente o metabolismo e as habilidades de queima de calorias do corpo, fazendo com que ganhes peso, enquanto a secreção além do normal fará com que percas alguns quilos abruptamente.

7. Menstruação desregulada.

Se estiveres com problemas de menstruação, o funcionamento inadequado da tiróide pode ser o culpado. A falta de hormonas suficientes tornará a tua menstruação mais pesada, mais longa, ou fará com que elas ocorram mais próximas, enquanto uma produção abundante de hormonas pode tornar os teus períodos mais leves ou fazer com que eles ocorram mais distantes.

8. Confusão ou dificuldade de se concentrar.

Se a tua tiróide não está funcionando de forma adequada, o mesmo acontece com o teu cérebro. Uma tiróide funcionando abaixo do nível adequado pode causar perda de memória, enquanto uma tiróide funcionando além do normal pode provocar problemas de concentração.

9. Desconforto ou inchaço no pescoço.

Tanto a superprodução quanto a subprodução de hormonas da tiróide podem levar ao aumento da glândula, fazendo com que o pescoço pareça inchado.

10. Mudanças no ritmo cardíaco.

Uma secreção inferior de hormonas da tiróide pode fazer com que o teu coração bata lentamente, enquanto o hipertiroidismo causa um batimento mais acelerado.

Bónus: Quem está em maior risco?

  • As mulheres possuem maior risco em relação aos homens.
  • Mulheres a partir dos 60 anos estão num grupo de risco.
  • Pessoas com histórico familiar de problemas relacionados com a tiróide precisam ficar mais atentas.

Teste para realizares no teu próprio pescoço:

Incline a cabeça para trás e engole. Examina o teu pescoço ao redor do pomo de Adão e da área acima das clavículas. Se sentires caroços ou protuberâncias, consulta um médico.


0 Comments

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Send this to a friend