Se tem problemas de fígado ou vesícula, esta planta cura de forma quase imediata!

Esta planta tem enormes poderes para a nossa saúde, é pena é que são poucas as pessoas que lhe dão o devido valor!

Ela é nativa da Europa, e pode atingir até 60 centímetros de altura, e possui hastes quadradas e as suas folhas são felpudas.

As flores são de cor branco-amarelada e crescem em cachos, florescendo no verão.

A planta também tem muitas vilosidades, que desprendem um aroma rico muito semelhante ao das maçãs.

Ela é selvagem e cresce naturalmente ou ao longo das bordas das estradas ou trilhos, ao pé das paredes, em terrenos baldios ou até em cima de entulho.

Conhece esta planta?

Ela é muito rica em propriedades medicinais. Entre as suas qualidades, destaca-se a sua acção emagrecedora e digestiva.

Porém há muito mais:

1. Cura o fígado
Ela é amarga, por isso tem substâncias que revitalizam completamente o fígado e a vesícula.

2. Cura os rins e a bexiga
Ela é diurética, ajudando a eliminar o excesso de líquido acumulado no corpo.

Além disso, ajuda a tratar infecções geniturinérias como cistite, ureterite, uretrite, pielonefrite.

3. Melhora a digestão
Ele desinflama o intestino e tem forte acção digestiva.

Por isso pode-se consumir o seu chá antes ou depois da comida, especialmente em casos de má digestão.

4. Combate gripes e outras doenças respiratórias
Ela é expectorante e actua contra todos os tipos de infecções no aparelho respiratório.

É especialmente indicada para tratar gripes, bronquite, asma e excesso de catarro.

5. Alcaliniza e ajuda a emagrecer
Ela é rica em potássio, o que contribui para a sua acção diurética, favorecendo a perda de peso.

E também é um forte depurativo, mais um factor que contribui para a desintoxicação e o emagrecimento.

6. Fortalece o coração
Ela tem acção antiarrítmica, ou seja, se usa em casos de taquicardias e arritmias cardíacas.

E qual é o nome dela?
O seu nome é “marroio” (Marrubium vulgare), e ela também é conhecida como hortelã-grande ou marroio-branco.

Como fazer o chá
Coloque 1 colher de sopa das folhas e flores secas da planta em 1 litro de água a ferver e deixe a repousar por 10 minutos.
Depois, coe para o consumo.
A indicação são três chávenas deste chá por dia.

O consumo deste chá é contra-indicado a mulheres grávidas.

Segue-nos no Facebook: